Quando eu era da idade dos liliputianos, acreditava que o nosso cérebro tinha infinitas gavetas onde guardávamos todas as nossas memórias... gavetas fechadas, abertas, empenadas, cheias, vazias... A Terra dos Liliputianos é uma extensão do nosso cérebro, com gavetas sempre disponíveis para recordar.

Seja bem vindo à nossa terra, um caderno de viagens do tamanho das crianças.



sexta-feira, 25 de janeiro de 2008

Músicas de sempre

Os liliputianos são mesmo muito diferentes no que diz respeito á alimentação. Temos as duas versões:

Come a papa, Francisco come a papa
Come a papa, Francisco come a papa,Francisco come a papa
.........................................................................................................
Era uma vez um Santiago com uma grande barriguinha
Comia, comia e mais fome tinha.

Para quem ainda gosta das versões originais:

Come a papa, Joana come a papa
Come a papa,Joana come a papa,Joana come a papa
Um, dois, três,uma colher de cada vez
Quatro, cinco, seis,era uma história de reis
E uma colher de papa
Come a papa,...
Sete, oito, nove,ainda nada se resolve
Dez, onze, doze,á espera que a mosca pouse
E uma colher de papa
Come a papa,...
Treze, catorze e meia,a coisa não está tão feia
Dezasseis, dezassete,mais um pingo no babe te
E uma colher de papa
Come a papa,...

Era uma vez um rei com uma grande barriguinha

Comia, comia e mais fome tinha.
Bom dia, Sr, Rei!Como passa Vossa Alteza?!...S
e continua a comer tanto vai rebentar com certeza".
Isto dizia o bobo, no meio de uma palhaçada
Mas o rei continuava como se não fosse nada.
Bom dia, Sr, Rei!Viva a Vossa Majestade!
Depois de tanto comer como é que ainda tem vontade?
Isto dizia a Rainha meia triste, meia zangada,
Mas o rei continuava como se não fosse nada.
Bom dia, Sr, Rei!Vossa Alteza é o maior,
Um rei deve ser grande se for gordo ainda é melhor.
Isto dizia o cozinheiro olhando o rei de alto a baixo,
O rei que coma, que coma quero lá perder o tacho.
Bom dia, Sr, Rei! Faz Vossa Alteza muito bem
Os reis são feitos para comer para beber e dormir também.
Isto dizia o conselheiro esfregando as mãos de contente
O rei que coma, que coma enquanto eu sou o Regente.
E para final desta história já com tanto que contar,
Vamos dizer-lhe amiguinhos, como o rei se passou a chamar
Sua Alteza de tanto comer, já só andava à cambalhota,
O povo chamou-lhe então o não sei quê, é o "Rei bolota".

1 comentário:

Rudolfo a rena disse...

Recordações...