Quando eu era da idade dos liliputianos, acreditava que o nosso cérebro tinha infinitas gavetas onde guardávamos todas as nossas memórias... gavetas fechadas, abertas, empenadas, cheias, vazias... A Terra dos Liliputianos é uma extensão do nosso cérebro, com gavetas sempre disponíveis para recordar.

Seja bem vindo à nossa terra, um caderno de viagens do tamanho das crianças.



quinta-feira, 27 de novembro de 2008

O ciclo da vida

Damos conta dele quando chegamos á loja e reconhecemos tudo do antigamente... tal e qual quando tínhamos a idade dos liliputianos.

2 comentários:

Bala disse...

É, de facto, um ciclo!
Mas confesso que estes padrões não são muito o meu género. Eu sou mais 80's!

Bjinhos

ritmargaride disse...

Olha agora lembei-me dos cortinados da Tia Cilinha (a minha tia) llllooooooooooooooooooll

Bom fim de semana