Quando eu era da idade dos liliputianos, acreditava que o nosso cérebro tinha infinitas gavetas onde guardávamos todas as nossas memórias... gavetas fechadas, abertas, empenadas, cheias, vazias... A Terra dos Liliputianos é uma extensão do nosso cérebro, com gavetas sempre disponíveis para recordar.

Seja bem vindo à nossa terra, um caderno de viagens do tamanho das crianças.



quinta-feira, 31 de janeiro de 2008

Devia ser assim, era mais divertido

Os liliputianos iriam adorar.

3 comentários:

Rodrez disse...

Eu tb...

Anónimo disse...

Acho que iria haver muitas inundações. Mas concordo, pelo menos não fazia mal a ninguém.

Marta

Ana C disse...

Esta ilustração mostra aquilo que também eu gostaria de fazer.