Quando eu era da idade dos liliputianos, acreditava que o nosso cérebro tinha infinitas gavetas onde guardávamos todas as nossas memórias... gavetas fechadas, abertas, empenadas, cheias, vazias... A Terra dos Liliputianos é uma extensão do nosso cérebro, com gavetas sempre disponíveis para recordar.

Seja bem vindo à nossa terra, um caderno de viagens do tamanho das crianças.



quinta-feira, 18 de junho de 2009

Um novo nascimento


3 comentários:

ritmargaride disse...

Lindoooooooooooooooooo! Adoro gatos:))

sofia disse...

Que lindo!! Quero um desses!!
beijinhos!

Bala disse...

Tão querido!!!!
Vai ficar convosco?

Bjinhos